|

Principal InformaçõesNotícias


Nova data para alterações na comprovação de regularidade fiscal
17/10/2014- Palavras-chave: regularidade fiscal
A unificação das certidões que comprovam regularidade fiscal de estados, municípios e entidades privadas, que entraria em vigor a partir da próxima segunda-feira (20), somente será colocada em prática a partir de 03 de novembro. A alteração foi comunicada na quinta-feira (16) pelo Governo Federal.

A partir do mês que vem, não serão mais necessários dois documentos para comprovação de regularidade fiscal: a certidão emitida pela Receita Federal em relação aos débitos previdenciários será unificada à certidão conjunta, emitida pela Receita Federal e pela Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) com relação aos demais tributos.

A certidão será expedida Receita Federal e pela Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, e poderá ser obtida na própria internet, como é feito atualmente. O contribuinte que solicitar certidões ainda na sistemática em vigor deverá ficar atento ao prazo de análise, que é de 10 dias. Assim, de acordo com a Receita Federal, há a possibilidade de certidões solicitadas após 24 de outubro não serem liberadas caso não seja comprovada a regularidade quanto a todos os débitos com a Fazenda Nacional, previdenciários ou não.

O consultor do Tesouro Estadual e subgerente de Regularidade Fiscal da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), Eduardo Araujo, recorda que atualmente 100% dos órgãos da administração direta do Governo do Estado estão totalmente regulares quanto aos requisitos fiscais dispostos no Serviço Auxiliar para Transferências Voluntárias do Governo Federal. Em todo o País, apenas 54% dos estados detêm esta marca.

Os órgãos públicos devem estar regulares para realizar transferências voluntárias de recursos entre si ou mesmo para realizar empréstimos com bancos, enquanto que empresas privadas precisam das certidões para comercializar produtos e serviços com o setor público.


Últimas Notícias
14/01/2019 - Estado fixa o índice de participação de cidades no Fundo para Redução das Desigualdades para 2019
14/01/2019 - Desburocratização: Quase 20 mil empresas do ES serão beneficiadas com extinção do DIEF
12/01/2019 - Parceria com a PRF possibilita autuação de carga irregular de cerveja
09/01/2019 - Governo do Estado prevê orçamento de R$ 17,7 bilhões para 2019
27/12/2018 - Sefaz lança guia de tributação para comércio atacadista e comércio exterior
26/12/2018 - Nota Fiscal do Consumidor eletrônica será obrigatória a partir de 1º de janeiro
Veja mais notícias...

Secretaria de Estado da Fazenda do Espírito Santo

© Copyright 2003 - 2019 Secretaria de Estado da Fazenda do Espírito Santo

Av. João Batista Parra . nº 600 . Ed. Aureliano Hoffman . Enseada do Suá . Vitória-ES . CEP: 29050-375 . CNPJ: 27.080.571/0001-30

Página carregada em 0,089 segundos.