|

Principal InformaçõesNotícias


Operação apreende mercadorias no Centro de Vitória
29/06/2016- Palavras-chave: operação, receita estadual, receita federal, alfândega, mercadorias
Na manhã desta terça-feira (28), a Receita Federal, a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), por meio da Receita Estadual, e as Polícias Federal e Militar, deflagraram a Operação Huo Shan, no Centro e na Vila Rubim, ambos em Vitória. O principal objetivo é combater o contrabando, o descaminho de mercadorias nacionais e importadas, além de sonegação fiscal e falsificação de marcas.

Doze comércios foram lacrados, totalizando 44 toneladas de produtos apreendidos, que serão submetidos a procedimentos fiscais para verificação quanto ao tipo de comércio praticado. Deste montante, 1,5 tonelada já foi confirmada como mercadoria falsificada. Entre os produtos apreendidos estão bolsas, mochilas, malas, relógios, brinquedos, entre outros.

De acordo com o inspetor-chefe da Alfândega da Receita Federal do Brasil do Porto de Vitória, Flávio José Passos Coelho, as lojas abordadas comercializavam produtos de procedência nacional e estrangeira, suspeitas de contrabando ou descaminho de mercadorias. “O objetivo da ação é fiscalizar a regularidade da importação dessas mercadorias, o cumprimento da lei e o recolhimento regular de tributos”.

As mercadorias encontradas com suspeitas de irregularidades foram retidas pela Receita Federal e os proprietários foram intimados a apresentar os documentos que comprovem a regularidade fiscal das aquisições.

Receita Estadual
Sobre as mercadorias nacionais, a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) apreendeu documentos dos produtos para verificação, seis máquinas de cartão de crédito e uma máquina de emissão de cupom fiscal.

Segundo o subsecretário da Receita Estadual, Bruno Negris, além das apreensões, a operação também teve caráter pedagógico, pois tem o objetivo de inibir a comercialização de produtos sem a nota fiscal. Além disso, Negris ressaltou a importância da integração entre os órgãos envolvidos. “A integração entre a Receita Estadual, Receita Federal e polícias Federal e Militar, dentro de suas respectivas competências, reforçam a importância do trabalho em conjunto para combater a sonegação fiscal e a concorrência desleal.”

Batizada de Huo Shan, que significa “Montanha de Fogo”, em mandarim, a operação conta com mais de 30 servidores da alfândega, acompanhados por servidores da Sefaz, com o apoio da Polícia Federal e da Polícia Militar. Também acompanharam a operação o auditor fiscal e chefe do serviço de vigilância e controle aduaneiro da Alfândega do Porto de Vitória, Douglas Costa Koehler, e do tenente da Polícia Militar, Marcelo Zimmermamm.


Informações à Imprensa
Mayara Alvarenga
Assessora de Comunicação da Sefaz
mayara.santos@sefaz.es.gov.br
3347-5128 / 99746-9479

Com a colaboração da Assessoria de Comunicação Social da Alfândega da RFB do Porto de Vitória-ES - Daely Cunha


Todas Notícias
18/01/2018 - Conselho Estadual de Recursos Fiscais tem novos membros
17/01/2018 - Sefaz inicia projeto piloto para autorregularização de pendências com a Receita
12/01/2018 - Sefaz moderniza fiscalização com implantação de laboratório forense digital
08/01/2018 - Código de Defesa do Contribuinte simplifica e desburocratiza relação com Fisco
08/01/2018 - Governador sanciona Código de Defesa do Contribuinte e anuncia primeira escola t
05/01/2018 - Espírito Santo é destaque em envio de dados contábeis e fiscais à União
Veja mais notícias...

Secretaria de Estado da Fazenda do Espírito Santo

© Copyright 2003 - 2018 Secretaria de Estado da Fazenda do Espírito Santo

Av. João Batista Parra . nº 600 . Ed. Aureliano Hoffman . Enseada do Suá . Vitória-ES . CEP: 29050-375 . CNPJ: 27.080.571/0001-30

Página carregada em 0,080 segundos.